Como calcular o IRRF (Imposto de Renda Retido na Fonte) sobre salário?

Cálculos

Como calcular o IRRF (Imposto de Renda Retido na Fonte) sobre salário?

Paulo Pereira
Escrito por Paulo Pereira em 2 de agosto de 2018
Junte-se a mais de 5.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Muito se fala a respeito do Imposto de Renda sobre o salário, mas você sabe exatamente do que se trata?

O IRRF (Imposto de Renda Retido na Fonte) é um tipo de imposto que se baseia na renda mensal de um funcionário. Ou seja, quanto mais alto for o seu salário, mais alto será o desconto.

+Saiba como calcular e o porquê do desconto do INSS sobre o seu salário

A Receita Federal do Brasil é o órgão responsável pela arrecadação do dinheiro e o repasse ao que for destinado.

Uma dúvida que ainda ronda a mente dos contribuintes quando estes recebem o contracheque é: como calcular o IR sobre o meu salário?

Com a tabela defasada, boa parte dos que trabalham sob o regime da CLT estão sendo obrigados a pagar.

No entanto, para entender exatamente como esse cálculo é feito, reuni uma série de informações importantes.

Abaixo seguem alguns exemplos que vão ajuda-lo a não ter mais dúvidas sobre o assunto. Confira!

Tabela do IRRF

Obs.: O último reajuste ocorreu em Abril de 2015 e não há nenhuma previsão de correções.

Como fazer o cálculo do IR sobre o meu salário?

O primeiro passo para calcular o Imposto de Renda sobre o salário é saber qual é a base utilizada para esse cálculo. Uma tarefa relativamente fácil fácil!

Compreende-se por base de cálculo, a composição da remuneração do empregado que sofre incidência do IRRF menos as faltas e atrasos, quando tratamos de empregado mensalista.

Assim como no caso do INSS, conforme mencionado neste artigo, são exemplos muito comuns de “verbas”, “rubricas” ou “lançamentos”, como queira chamar, que sofrem incidência IRRF: salário, horas extras, adicional noturno, adicionais de periculosidade e insalubridade e DSR.

Já tipos de recebimentos que não tributam muito comuns, são: auxílio creche, salário família e reembolso de plano de saúde.

Após a identificação da base de cálculo, subtraia o valor da Previdência Social (INSS);

Subtraia também as parcelas referentes ao seus dependentes legais, se tiver.

Pronto! Essa será a sua base de cálculo ajustada. A partir daí é só aplicar a alíquota de acordo com a tabela acima e do resultado diminuir o valor da dedução que também está na tabela divulgada pela RFB.

Agora sim! Você acabou de fazer o cálculo do IR sobre o seu salário.

Vamos aos exemplos


Observação 1:
Se o valor do Imposto de Renda calculado for menor que R$ 10,00 não haverá o desconto na folha. Já no 13º, o cálculo é feito separadamente.

Observação 2: A “parcela a deduzir”  foi uma forma encontrada pelo Governo de equilibrar a questão da distribuição do desconto do IR em todas as faixas salariais, o que torna essa cobrança de Imposto de Renda “justa” para todos os contribuintes.

E então? Esse artigo lhe foi útil? Ainda tem alguma dúvida a respeito de como calcular o IR sobre o seu salário? Os cálculos são bem simples e podem ser feitos por qualquer pessoa. Para se aprofundar mais nos cálculos mais complexos, fique atento nos outros artigos!

Quero aproveitar a oportunidade para agradecer por ter lido este post e pedir que caso tenha encontrado algum erro ou queira nos comunicar uma informação, envie uma mensagem para [email protected]. Deixe, também, sua opinião nos comentários e siga-nos nas redes sociais: Facebook, LinkedIn, Twitter Instagram.

Olá,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

One Reply to “Como calcular o IRRF (Imposto de Renda Retido na Fonte) sobre salário?”

Departamento de Pessoal em Foco › O empregador é obrigado a fornecer adiantamento salarial?

[…] Imposto de Renda sobre adiantamento […]

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Junte-se a mais de 5.000 pessoas

%d blogueiros gostam disto: